Tachão Refletivo: para que serve e quais os tipos

sinalização de trânsito
Sinalização de Trânsito: Conheça a História
31 de março de 2021
empresa de sinalização viária
Empresa de Sinalização Viária em São Paulo
12 de abril de 2021
Exibir tudo

Tachão Refletivo: para que serve e quais os tipos

tachão refletivo
 

Muito conhecido como ''tartaruga'', o tachão refletivo viário é um dispositivo delimitador fixado no solo e utilizado para complementar a sinalização horizontal das vias. Suas principais funções são sinalizar a transposição de faixa de trânsito, invasão de marca de canalização e transposição de mini rotatória.

De acordo com a NBR (Norma Brasileira) e o CONATRAN (Conselho Nacional de Trânsito), a sinalização horizontal é composta por faixas de tráfego, proibição de ultrapassagem, bordas da pista e muito mais — todos demarcados por linhas feitas por pinturas no solo, segregadores, bate-rodas, prisma de concreto, tachas, mini tachões e tachões refletivos, nosso assunto de hoje.

No post de hoje você verá:

  • quais são as características de um tachão refletivo?
  • para que serve um tachão refletivo?
  • quais são os tipos de tachão refletivo?
  • como funciona a instalação dos tachões refletivos?

Confira!

Quais são as características de um tachão refletivo?

O tachão refletivo é um dispositivo com retrorrefletor (tecnologia utilizada na sinalização horizontal que reflete a luz de volta a sua origem. Em outras palavras, esse dispositivo reflete a luz dos faróis dos veículos, de maneira reduzida, para o condutor).

De acordo com a CET, esse dispositivo é caracterizado como auxiliar de delimitação e complementação para a sinalização horizontal, por exemplo, para indicar o limite da faixa, sinalizar acostamentos e entre outros.

Sua composição é feita por um corpo em resina poliéster amarela, uma lente (retrorrefletor amarelo âmbar ou branco) e um pino de fixação de rosca (parafusos galvanizados). E tudo isso faz que sua durabilidade seja longa, resistindo a compressões mecânicas e às ações do tempo, como sol e chuva em excesso.

É possível encontrarmos nos mais variados tamanhos, mas os modelos mais comuns seguem a NBR 15.576:2013, com dimensões padrões:

  • corpo em resina amarelo: 24 x 15 x 5 cm;
  • retrorrefletor amarelo ou branco: 13,5 x 3,5 cm;
  • pino de fixação: 3/8'' x 5 cm;
  • e peso: 2.500 kg.

tachão refletivo

O tachão pode ser do tipo monodirecional (um refletivo), bidirecional (dois refletivos) ou cego (sem refletivo). Saiba mais abaixo sobre os tipos de tachões e como utilizar cada um.

Para que serve um tachão refletivo?

O tachão refletivo serve para garantir a segurança de motoristas, ciclistas e pedestres, através de seu sistema que obriga os motoristas a reduzirem sua velocidade e transitarem corretamente na pista.

O dispositivo também dificulta determinadas manobras, como:

  • transposição de faixa de trânsito;
  • invasão de marca de canalização;
  • e transposição de mini rotatória, como mostra a imagem abaixo.

tachão refletivo

Recomenda-se o seu uso para: bifurcações, trevos, ciclofaixas, estacionamentos, estreitamento da pista, proteção de faixas de conversão.

Aliás, em dias de chuvas intensas onde a pintura da pista está sem efeito, esse dispositivo serve para o motorista continuar enxergando a faixa e permanecer em segurança.

Quais são os tipos de tachão refletivo?

Como falamos acima, existem três tipos de tachão: cego (sem refletivo), monodirecional (um refletivo) e bidirecional (dois refletivos). Descubra mais sobre cada tipo abaixo!

tachão refletivo

Tachão refletivo cego

Esse tipo de tachão não possui refletivo e é utilizado para locais mais frequentados durante o dia, em que não é necessário visibilidade noturna.

Tachão refletivo monodirecional

Esse tipo de tachão possui apenas um refletivo na cor branca (ou amarelo âmbar). E sua função é separar fluxos do mesmo sentido.

Desse modo, sua instalação é feita de frente para o condutor no sentido na via.

Tachão refletivo bidirecional

Esse tipo de tachão é o mais utilizado, possuindo dois refletivos na cor amarela âmbar. E sua função é separar fluxos de sentidos opostos.

E como já falado, sua instalação é feita para condutores que transitam em sentidos opostos, por exemplo: entrada e saída de estacionamento.

Como funciona a instalação?

A instalação desse dispositivo é fácil! Veja abaixo como você, síndico de condomínio ou proprietário de comércio com estacionamento particular, pode adquirir tachões e instalá-los de maneira prática!

tachão refletivo

Em primeiro lugar, faça a pré-demarcação do solo para posicionar corretamente os tachões. Logo após a demarcação, a furação deve ser feita com 6 cm de profundidade para dentro do solo.

Após a furação, limpe o excesso de poeira do local para a cola ser bem fixada.

A cola para esse procedimento deve ser específica para essa instalação. Cerca de 0,250 gramas de cola devem ser depositados no furo e ao redor, de maneira que toda a base e os pinos do tachão sejam colados, como mostra a imagem acima.

E por fim, em aproximadamente 20 minutos a cola estará seca. Viu como é fácil?

Conheça a Setas Sinalização

Tachão refletivo é um complemento excelente para a sinalização horizontal, contribuindo para a segurança de motoristas, pedestres e até mesmo ciclistas.

O interessante é que você não precisa de permissão para comprar e instalar, basta seguir as recomendações do CONTRAN e das normas ABNT, e adquirir produtos de qualidade, que irão suportar o peso do veículo e resistir à condições climáticas.

É muito importante que você saiba onde adquirir os produtos de sinalização do seu estabelecimento. E é pensando nisso que há 20 anos estamos atendendo diversas empresas, fabricando todo o tipo de sinalização horizontal, vertical e semafórica. E o melhor: com um ótimo preço.

Mas e você, gostou da leitura? Salve esse post para ler novamente depois. E lembre-se que se precisar, entre em contato conosco 😉

Marcos Moreira
Marcos Moreira
Analista de Marketing Digital | Agência Web Marketing

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *