Guard Rail: o que é e para que serve?

Guard Rail: o que é e para que serve?

Guard Rail

Os sistemas de proteção no trânsito são sempre muito utilizados e importantes no Brasil, e hoje falaremos de um deles o “Guard Rail”. 

Muitas pessoas ao redor do mundo olham para ele todos os dias quando estão dirigindo mas não fazem ideia do seu nome ou para que ele serve.

Além disso, o guard rail tem funções muito importantes e interessantes para manter as pessoas seguras.

Neste artigo falaremos sobre o que é guard rail, além de mais informações sobre sua composição, sua implantação e muito mais. Vamos lá?

O que é Guard Rail

Guard Rail

O guard rail ou defensa metálica é uma forma de proteção para veículos desgovernados, que podem colidir e atravessar os canteiros centrais. 

Elas são barreiras instaladas para absorver o impacto dos veículos desgovernados que podem acabar saindo da via, estrada ou rodovias.

Além disso, esse modelo é constituído de perfis de aço moldado, unidos por meio de parafusos formando uma tira contínua.

Por fim, essa lâmina moldada era usualmente de aço comercial comum, com 2.5 a 3mm de espessura, pintada ou zincada.

Para que serve o Guard Rail

É muito comum que os veículos em rodovias, estradas e vias rurais transitem com uma velocidade que varia entre os 100 km/h.

Caso um veículo bata em uma velocidade alta, os envolvidos no acidente correriam risco de vida.

Por isso, o guard rail foi criado para ser uma solução de segurança viária que serve para desacelerar um veículo em alta velocidade caso o mesmo perca o controle ou colida com outro objeto.

Ou seja, através da absorção da energia cinética (energia que é gerada por causa do movimento) do veículo é possível desacelerá-lo em alta velocidade.

Suas principais funções são:

  • Redirecionar o veículo a pista com ângulo menor do que ele entrou;
  • Absorção de energia, diminuindo o impacto do veículo e a gravidade do acidente;
  • Proteção e barreira contra áreas perigosas;
  • Evitar que o veículo volte para a estrada.

Onde são utilizados os Guard Rail

Guard Rail

Os guard rail são instalados ao longo das vias onde há circulação de veículos, nas laterais, no canteiro central, em pontes e bordas de aterro, por fim lugares perigosos onde podem ocorrer acidentes.

Esses acidentes teriam danos minimizados pela presença do guard rail.

Sendo assim, esses são os principais lugares onde ele é instalado:

  • Vias expressas e urbanas;
  • Rodovias;
  • Pontes e Viadutos;
  • Pistas de corrida e de automóveis;
  • Estacionamentos.

Quais são os componentes de um Guard Rail?

O guard rail é muito utilizado para proteção e segurança e como se trata de um produto de segurança viária, essa barreira precisa cumprir as exigências legais das normas regulamentadoras, NBR 6970, NBR 6971 e NBR 15486.

Então vamos falar agora sobre sua composição e componentes.

Essa barreira deve seguir as normas para ser produzida, por isso de acordo com a NBR 6323 para dar proteção às peças e evitar corrosões ela deve ser fabricada de aço ou ferro fundido, revestido de zinco por imersão à quente. 

Um dos principais componentes dessa barreira é o perfil metálico ou lâmina, seguida pelo poste, espaçador, calço, garra, cinta, plaqueta e elementos de fixação (arruela, parafusos e porca).

As barreiras metálicas conhecidas como guard rail que são aprovadas no Brasil foram certificadas com testes realizados conforme as normas europeias e americanas. Elas foram classificadas por “W” e “H”, sendo que:

  • W é o nível de deflexão ou espaço de trabalho;
  • H é o nível de contenção (massa / velocidade).

Os tipos de Guard Rail

Existe mais de um tipo dessas barreiras metálicas por isso para que você possa ficar mais informado sobre esse assunto veja agora alguns tipos desse sistema de proteção:

  • Simples;
  • Dupla;
  • Maleável (possui 1 poste a cada 2 metros);
  • Semi-Maleável (conta com 1 poste a cada 4 metros);
  • Certificada (há um nível de contenção certo);
  • Semi Rígida;
  • Rígida;
  • Mediana;
  • Removível.

A implementação de um Guard Rail

A Record cobriu uma entrevista mostrando que alguns Guard Rails foram instalados da maneira incorreta e isso gerou transtorno para os moradores locais que fizeram greves e causaram tumulto.

guard rail

Por isso, para evitar que você tenha problemas, nós preparamos algumas informações importantes.

Por exemplo, para implementar um guard rail o primeiro passo que precisa ser seguido é o solo. Ele precisa estar limpo e sem entulhos ou vegetações.

Se o solo estiver limpo, já é possível iniciar a cravação dos potes que é feita por uma bate-estaca.

Quando os postes já foram cravados, é hora de iniciar a montagem das lâminas.

A altura delas deve ser igual e se precisarem ser mudadas, a mudança não deve ser brusca de modo que apresente desnível exagerado.

Um detalhe importante a ser lembrado é que, os componentes das defensas não podem apresentar arestas ou cantos vivos que fiquem voltados para a pista.

Os componentes de fixação devem estar atrás das lâminas e se ainda assim houver chance de atingir pessoas e veículos, devem ter formas baixas e arredondadas.

A importância do Guard Rail

As pessoas que dirigem nas rodovias, estradas e vias rurais estão sempre a uma velocidade variável de 100 km/h. Além disso, essas pessoas também precisam ultrapassar outros veículos para chegarem a seus destinos.

É muito comum que no dia a dia das pessoas, elas cometam erros que possam causar acidentes.

O guard rail nada mais é do que uma maneira criada para proteger os motoristas de impactos na lateral da pista.

Além disso, ele também protege os envolvidos em acidentes de consequências severas.

Por isso, não deixe de contar com as Guard Rail (defensas metálicas).

E para garantir qualidade na fabricação e instalação do seu guard rail conte com a Setas Sinalização Viária!

FAÇA UM ORÇAMENTO agora mesmo! Estamos sempre dispostos a atender quem preza pela segurança do coletivo.

 

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe de redatores da Agência Web Marketing e todos os direitos estão reservados. Sendo proibida a cópia do conteúdo ou parte dele.

5/5 - (1 vote)
Marcos Moreira
Marcos Moreira
Analista de Marketing Digital | Agência Web Marketing

1 Comment

  1. […] defensas metálicas são usadas para absorver a energia cinética dos veículos ao colidirem com ela. Normalmente, é […]

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.